5 tendências alimentares a serem observadas em 2020

5 tendências alimentares a serem observadas em 2020

Quais são as principais tendências que influenciarão o mundo da alimentação no próximo ano ?

Apresentamos a você 5 tendências alimentares para acompanhar de perto em 2020.

1 – Dietas “sem” são populares: sem lactose, sem glúten, sem carne, sem gordura, sem aditivos.

Uma moda passageira ou uma necessidade?

Faça a dieta sem glúten. Segundo especialistas, 1% seguiria essa dieta simplesmente por moda ou buscando uma vida mais saudável e os 7% restantes por necessidade (doença celíaca ou intolerância).

Mas, enfim, seja qual for o motivo, permanece o fato de que o mercado sem glúten é um mercado em expansão, que cresceu + 20% entre 2011 e 2016.

As consultas, incluindo os termos “Sem glúten” estão explodindo e cada vez mais marcas estão atendendo à demanda.

Hoje, existem lojas especializadas em sem glúten, que facilitam a vida do consumidor.

No setor da cozinha industrial, encontra-se conceitos que tornaram o “sem glúten” sua área de especialização.

Existem restaurantes que servem especialidades italianas, onde a farinha de trigo é substituída por farinha de milho, farinha de arroz (inteira ou semi-inteira) ou trigo sarraceno.

Sem deixar a sua especialidade, você pode integrar alternativas sem glúten ao seu cardápio, oferecendo sem glúten opcional, anunciando nas redes sociais.

O glúten é encontrado no trigo, aveia, cevada ou mesmo espelta, bem como em todos os produtos derivados.

Além disso, os fornecedores do setor se adaptaram e agora oferecem uma variedade de produtos sem glúten. Você encontra massa folhada, pães de hambúrguer ou massas sem glúten, para atender à demanda de seus clientes.

2 – Você gostaria de consumir mais plantas ?

Com a crescente proporção de vegetarianos, flexitatianos e veganos no mundo, para preservar o meio ambiente, defender a causa animal ou levar uma vida mais saudável, estão reduzindo o consumo de carne e se convertendo em novas dietas, dando lugar de destaque aos vegetais.

Ao contrário da crença popular, essas dietas, esses estilos de vida, não são uma prerrogativa e também dizem respeito a populações jovens, para as quais o consumo é um ato cívico e uma maneira de expressar suas idéias, sejam ideológicas, sociais ou políticas.

Muitos estabelecimentos já se apoderaram do movimento. É o caso, por exemplo, de restaurantes que oferecem culinária saudável e ecológica.

3 – O que é bom para o planeta ?

Nos próximos anos, os envolvidos nesta causa, terão que investir mais do que nunca na luta contra o desperdício de alimentos e se engajar em ações “boas para o clima e para o planeta”.

Desde a parada de copos ou canudos de plástico até o uso de sacos para cachorros, a reciclagem de resíduos ou a criação de receitas anti-resíduos.

As possibilidades são infinitas e seu único limite é o respeito e preservação do meio ambiente.

Se este ano você deseja se envolver mais na luta contra o desperdício de alimentos, convido você a tornar seu restaurante um eco-restaurante.

Por que se tornar um restaurante eco-responsável?

Você encontrará muitas idéias e soluções para reduzir seu impacto no planeta, desde o design de menus ao gerenciamento de inventário, passando pela escolha da decoração e embalagem para suas entregas ou entrega.

Para interromper o uso de canudos de plástico, duas empresas desenvolveram canudos comestíveis. Sorbos, uma empresa espanhola, e Loliware, uma startup americana, que lançou recentemente seus canudos comestíveis feitos de algas naturais.

4 – Mais transparência

Comer não é mais um ato trivial.

Para muitos, tornou-se um ato cívico e uma maneira de expressar sua personalidade e identidade.

Em busca da verdade, autenticidade e transparência, esses players consumidores querem saber o que está em seus pratos e conhecer a origem dos produtos, querem entender os processos de fabricação, conhecer os bastidores e ver as humano escondido atrás do sinal.

Nas redes sociais, revele um pouco os bastidores, explique de onde vem o trigo usado para fazer a farinha usada para fazer o pão, compartilhe seu humor sem (demais) pretensões, mostre seu capital humano, e envolva seus clientes na vida de seu estabelecimento, perguntando o que eles pensam ou o que preferem.

5 – Viajar em direção ao Oriente Médio

Em 2020, espere receber um impulso no paladar com a culinária do Oriente Médio, cheia de sabor, cor e especiarias. uma tigela de madjadra para o almoço, um pão pita e uma tigela de hummus para um aperitivo ou uma chawarma para o jantar.

Este ano, a culinária deve nos levar a uma jornada para ‘Egito, Líbano, Israel ou mesmo Síria.

Além de agradar o paladar, a culinária do Oriente Médio tem algumas vantagens que os restauradores podem aproveitar.

Esta cozinha está disponível tanto no prato como no formato de comida de rua.

É uma cozinha que se destaca por vegetais e proteínas vegetais, com a presença de cereais, oleaginosas e leguminosas. Portanto, é ideal para satisfazer vegetarianos ou flexitaristas.

É uma cozinha colorida, cheia de texturas e volumes, que é tão bonita de se ver quanto de bom gosto.

Se você pensa em montar um restaurante vegano, vegetariano ou procura ser mais sustentável em seu negócio, entre em contato com a Scuderia INOX e vamos criar juntos o seu projeto.

 

Peças de reposição, na hora do aperto onde encontrar ?

Peças de reposição, na hora do aperto onde encontrar ?

São nos momentos mais dificeis que aparece um problema grave, a fritadeira parou de funcionar, o freezer não está gelando, a chama do fogão está fraca.

Na grande maioria dos casos esses problemas acontecem por falta de revisão preventiva. É na preventiva que consegue-se detectar um equipamento desregulado ou prestes a parar.

A revisão corretiva aumenta o risco de “apertos indesejaveis”, o custo do emergencial, e a falta que um equipamento pode causar na cozinha.

Mesmo sabendo disso, os profissionais acabam deixando as revisões e limpezas dos equipamentos para ultima hora, muitas vezes por não terem uma rotina ou um caderno técnico para que possam seguir as regras e exigências da cozinha.

Algumas dicas:

  • Tenha um estoque dos itens mais suscetíveis a ter problemas;
  • Mantenha contato com assistentes técnicos de sua região;
  • Mantenha limpo e lubrificado os equipamentos;
  • Faça as revisões periódicas,.
  • Esteja sempre preparado para quando surgir o imprevisto, ser rápido no gatilho, o cliente não pode ser afetado.

Se você precisa de auxilio, não sabe qual peça de reposição deve ter em estoque ou onde encontrar um técnico para soluções de emergência, temos um ebook que pode lhe orientar para diminuir as chances de passar por problemas como falta de manutenção.

 

Restaurante Virtual: Um Novo Segmento do Mercado

Restaurante Virtual: Um Novo Segmento do Mercado

Com as várias opções de alimentos disponíveis para entrega, os restaurantes e deliverys foram forçados a se adaptar para acompanhar essa evolução, chegando na forma de dark kitchen as “cozinhas fantasmas”, restaurante virtual ou cozinhas na nuvem. 

Os serviços de entrega de alimentos tiveram um crescimento exponencial nos últimos anos, a evolução da entrega móvel. O comércio eletrônico e o aumento sem precedentes nas tendências de entrega, trouxeram ao mercado de alimentação uma nova oportunidade de negócio.

Se você é um proprietário de restaurante e novo usuário de aplicativos para vender comida, pode ocupar seu espaço em uma dark kitchen, competindo no mercado com qualidade e agilidade.

Os aplicativos de entrega também estimularam os restaurantes a melhorar a forma como eles se relacionam com os clientes no mundo digital, melhorando a comunicação on-line com suas ofertas e marketing.

Antes, os restaurantes dependiam exclusivamente do ponto comercial, com o avanço da tecnologia abre-se oportunidades de atingir novos clientes.

Com o surgimento do fenômeno das dark kitchens, novos restaurantes menores e-food trucks são apresentados como uma alternativa para obter uma fatia desse negócio, operando exclusivamente on-line.

Onde o restaurante virtual ou cozinha fantasma se originaram? 

As cozinhas surgiram como resultado dos muitos restaurantes que são obrigados a fechar a cada ano devido às altas despesas.

A comida é boa, assim como os chefs, mas eles são obrigados a abrir o restaurante longe do centro da cidade devido às altas taxas e preços de aluguel.

O rápido aumento da entrega de alimentos e a mudança no comportamento do consumo de alimentos dos clientes abriram uma oportunidade para os restaurantes começarem sem um estabelecimento tradicional de tijolos e argamassa.

As dark kitchens operam há vários anos como uma alternativa das pizzarias como entrega nas áreas locais. Desde então, a tendência ganhou força e lentamente foi conquistando seu espaço no mercado food-service.

Grandes redes de food service utilizam cozinhas fantasmas para aumentar sua produtividade e seu raio de entrega. Ao fazer isso, estão expandindo seu alcance e sua base de clientes em potencial, sem gerar altos custos em imóveis caros.

restaurante virtual
As cozinhas fantasmas são usadas pelos restaurantes para aumentar a produtividade ou expandir de maneira econômica.

Essas cozinhas estão localizadas em propriedades industriais ou em áreas suburbanas maiores, permitindo que sua influência na entrega seja mais concentrada e atenda numa região maior.

A maioria dos clientes que fazem pedidos regularmente, solicitam em restaurantes ou delivery nas proximidades. Possuir a influência local gera lealdade, fluxo de clientes e a uma regularidade orçamentária.

restaurante virtual
As cozinhas fantasmas exigem um investimento inicial significativamente menor do que um restaurante físico.

Mas o que significa essa adaptação para o seu restaurante?

Principais vantagens na aquisição de uma Dark Kitchen.

 O custo de abrir e administrar uma cozinha fantasma ou restaurante virtual é significativamente mais barato do que possuir e operar um restaurante completo.

 O local físico não é mais uma preocupação, pois a presença de sua marca é totalmente on-line. O que significa que você pode investir melhor seu dinheiro com funcionários qualificados ou produzir melhor.

 Essas cozinhas podem ser equipadas e atualizadas para atender rapidamente à demanda em relação à culinária do restaurante (cardápio), sem fechar o negócio por possíveis reformas.

 Além da sua loja online, suas únicas preocupações são funcionários, motoristas e produtos.

 Os pedidos com menos demanda podem atrapalhar a cozinha durante o pico de produção dela, podendo ser controlados, ajustando o aplicativo e garantindo melhoria no fluxo operacional.

Saiba mais sobre dark kitchens, clicando aqui.

 

Cozinha Container – Tudo que Você Precisa Saber

Cozinha Container – Tudo que Você Precisa Saber

Cozinha Container é uma cozinha projetada para operar dentro de um container ou containers, que tem como principal objetivo redução de custos do projeto, agilidade, fácil personalização e adaptação, mobilidade, entre outras vantages.

A utilização do container é um novo conceito que tem ganhado força na cozinha portátil comercial para compra ou aluguel, trazendo diferenciais positivos comparado aos outros modelos no mercado atual.

As conexões elétrica, hidráulica e gás são simples de serem executadas.

A cozinha container contempla toda mobilidade de ajuste com capacidade de servir refeições em um local remoto ou fixo, com melhor aproveitamento de espaço e agilidade.

Base de apoio para fixação dos mobiliários.

Principais Itens a Serem Inclusos no seu Projeto de Cozinha Container

  • Estoque: Geladeira, freezer
  • Cocção: Fogão c/ Forno, Chapa, fritadeira,
  • Revestimento: apropriado para manipulação de alimentos
  • Higienização: Pia de assepsia e lava-louças que inclui pré-lavagem e passagem pela máquina de higienização.
  • Para que a cozinha profissional possa ter boa performance, é interessante investir produção, economia e padronização, segue algumas ideias:
  • Microondas profissional
  • Fonte de alimentação do gerador integral
  • Fritadeira profissional
  • Forno combinado
  • Processador de alimento
  • Carrinho de entrega / limpeza
  • Utensílios profissionais de cozinha
  • Espaço extra para armazenamento de alimentos (estoque frio / seco).

Comprar ou Alugar uma Cozinha Container?

Lançamento de container. Entrega e acomodação.

Gás, hidráulica e exaustão. Estrutura externa para o funcionamento da cozinha.

O mercado está em constante movimento, se você também acredita que as cozinhas container é tendência deste mercado, saiba como fazer para ter a sua.

Locação de Container:

Após a definição do tipo de negócio que será constituído, é necessário formalizado todas a informações e descritivo dos equipamentos existentes no container.

Existem locações anuais, semestrais ou semanais, entretanto, o fato é que quanto maior o tempo de locação, menor o preço contratado. Fatores como frete, encarecem o negócio.

Pontos positivos:

  • Não deprecia o imobilizado da empresa;
  • O capital não está parado no bem;
  • O negócio é pago com o lucro mensal.

Pontos negativos:

  • Você não terá seu próprio container

Compra do container:

Se você é mais conservador ou exige padrão único para seu container, esta opção pode lhe agradar.

Pontos positivos:

  • O pagamento pode ser facilitado, a garantia é de 1 ano nos equipamentos de refrigeração e container e o prazo de entrega varia entre 45 à 60 dias.
  • Após pago a Cozinha container é sua;
  • Personaliza da sua forma;

Pontos negativos:

  • Deprecia o imobilizado da empresa;
  • O capital está parado no bem;
  • O negócio é pago com investimento inicial,e talvez precise ser financiado, parcelado…

Conheça mais sobre DARK KITCHEN as “cozinhas fantasmas”, que se encaixam perfeitamente no conceito Cozinha Container.

Balcões refrigerados, coifa, fogão, prateleira aérea, bancadas e pias em aço inox.

cozinha container

Freezer, quadro de energia, pia de asspsia e janelas que permitem um local arejado no local

cozinha container

Revestimento em chapa de aço galvanizado que pode ser pré-pintado ou possuir acabamento em primer epóxi. O piso monolítico é o mais indicado pela sua resistência a ácidos e gorduras e pouco peso, ganhando tempo, qualidade e mobilidade no container.

cozinha container

Container de 40 pés. Layout frontal com duas janelas de atendimento e porta.

As Vantagens da Cozinha Container:

As cozinhas profissionais são construídas em conformidade com as normas de vigilância sanitária (ANVISA).

Os containers, por sua vez, podem “escapar” de vários métodos tradicionais de construção e são facilmente equipados, além disso, podem ser unidos para criar instalações de qualquer tamanho.

  • São unidades modulares que podem ser usadas sozinhas ou em conjunto com outros containers.
  • Os containers são fabricados em tamanhos diferentes de 6m e 12m de comprimento, o que os torna versáteis.
  • São fáceis de converter adicionando janelas, portas e assim por diante.
  • Fornecem uma carcaça praticamente instantânea que pode ser equipada com revestimento, acabamentos, acessórios e com encanamento, eletricidade e gás, se necessário.
  • Foram originalmente criados para o transporte, o que facilita o envio deles por mar ou por trem ou estrada, para uso em locais remotos.
  • Podem ser entregues em sua forma bruta ou já convertidos para uso.
  • Usados ​​de forma criativa, eles podem reduzir drasticamente os custos de acomodação.
  • Eles podem ser reutilizados, remodelados e movidos para outros locais remotos, se necessário.

Depois que os containers são entregues no local, eles serão posicionados e finalizados de acordo com as necessidades do proprietário. Pronto para uso.

cozinha container

Container de 20 pés. Layout frontal com porta deslizante janela vertical de atendimento.

QUAL O TAMANHO CERTO DO SEU CONTAINER

cozinha container

Dimensões padronizadas de containers de 20 e 40 pés .

Os containers têm vários comprimentos, embora os mais comuns sejam 20 pés (6 metros) e quarenta pés (12 metros). No entanto, eles têm larguras e alturas padronizadas, para que possam empilhar em camadas nos navios, e os pórticos podem iça-los onde quer que vão.

Suas altura padrão têm 8 pés (2,6m) .

Pode ser uma economia falsa encomendar um container mais longo ‘por precaução’, pois seus custos de transporte serão mais altos e você não poderá dobrar a utilização. Muitos empresários alugam uma série de pequenos containers para atender diferentes fases de seu ciclo de negócio.

Os dois tipos mais comuns de containers são ‘armazenamento seco padrão’ e ‘refrigerados’, que são mais caros. No entanto, quando você aplica eletricidade, você tem uma câmara fria portátil. Os containers de armazenamento a seco padrão são longas caixas de metal com portas em uma ou nas duas extremidades.

cozinha container

Aço inoxidável, sempre a melhor escolha para áreas manipulação dos alimentos.

 

Scudeira INOX – Performance em cozinhas profissionais

Scudeira INOX – Performance em cozinhas profissionais

A Decisão de criar um site consultivo, onde pudessemos expressar nosso conhecimento e ajudar as pessoas a serem mais acertivas no negócio, foi o que nos incentivou a iniciar o projeto.

Um conhecimento pode ser grande, se grande for o tamanho da quantidade de pessoas que absorveram esse conhecimento.

Blog com informação sobre tendências, mercado e foco na assertividade do seu negócio, conteúdo necessário para que nosso querido leitor tenha acerto nas decisões.

Para você que está montando uma nova cozinha profissional , que busca conteúdo, que precisa de uma consultoria, que não sabe os equipamentos necessários para o seu negócio, que tem dúvidas operacionais, de fluxo, saiba que um bom projeto minimiza re-trabalho.

Sempre que surgir uma dúvida, é importante trata-las com quem entende do negócio, a Scuderia INOX quer fazer parte do seu sucesso.

Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos aquilo que conhecemos, vamos juntos unir conteúdos, informações para que todos possam ter acesso.

05 departamentos – Cozinhas profissionais

05 departamentos – Cozinhas profissionais

A cozinha profissional é composta de departamentos, essas áreas são delimitadas e devem seguir uma regra de fluxo para que o processo seja rápido e eficiente.

1 – ATENDIMENTO/SAÍDA DE PRATOS

É importante que este departamento esteja higienizado, organizado, com boa comunicação visual, atendimento e um bom DESIGN, é o local para mostrar a identidade do negócio, é onde o consumidor se enche de satisfação, recebendo o real beneficio pela compra efetuada.

Na imagem do departamento, podemos verificar a presença de 3 equipamentos de refrigeração, geralmente utiliza-se cervejeira e refrigerador.

UMA DICA: Verifique a possibilidade de comodato com parceiros, caso não queira investir. Mas lembre-se que a melhor negociação em relação a custo do produto será sendo independente de comodatos.

No balcão, encaixamos a posição do caixa e caso necessário uma chopeira como exemplo a servir, o fluxo de pratos da cozinha, passa pelo passa pratos direto para a saída, direciona o fluxo do atendimento/caixa para o recebimento.

2 – AREA DE COCÇÃO / FINALIZAÇÃO

O coração da cozinha profissional, o espaço do chef cozinheiro, é aqui o piloto deste Business.

A cozinhas profissionais estão cada vez mais reduzidas, dando espaço à area de atendimento ao cliente. Para que essa cozinha atenda com velocidade e padronização é importante que seja calculado produção x tempo de preparo.

Os equipamentos são muito importantes neste momento, pois a cada falha neste cálculo, perde-se qualidade e eficiência no tempo de entrega do pedido.

Posição e capacidade dos equipamentos depende de alguns fatores pessoais de cada operação. Existem hamburguerias que utilizam somente chapa, outras somente Char Broiler, e outras os dois processos.

No processo diário, os alimentos que entram na cozinha, congelados ou refrigerados, posterior ao pré-preparo são armazenados nos refrigeradores para a cocção.

Refrigerador abaixo da cocção é interessante, são utilizados como apoio, verticaliza o processo, trazendo agilidade e velocidade.

UMA DICA: Receba neste equipamento, os alimentos ja porcionados para que o processo tenha maior eficiencia.

Lembre-se que o sistema de exaustão e a coifa precisam de calculo de vazão, para que ela faça o processo de entrada de ar limpo e saida de gordura e temperatura, sem contaminar área de atendimento.

Na área de finalização, outro balcao refrigerado para armazenamento de todos os alimentos e na parte superior to tampo, base de trabalho. Gratinador, conservador de fritura, também são equipamentos utilizados na área, conforme projeto.

A comunicação entre as áreas, finalização e atendimento. é feita pelo multiguichet, passa prato.

Importante lembrar, que prateleiras, armarios em inox otimizam o espaço, melhorando o fluxo continuo.

3 – ESTOQUE FRIO E SECO

Receber todos os alimentos devidamente sanitizados do departamento de recebimento e armazenar de forma organizada e controlada, etiquetando os alimentos e informando o prazo de validade de cada item.

Os equipamentos verticais são ideais para o estoque, pois aproveita-se espaço para uma melhor organização nas prateleiras.

Lembre-se de organizar os insumos, para que os alimentos com menor prazo de validade seja processado primeiro, e assim sucessivamente para os produtos secos, refrigerados e congelados.

As estantes mais procuradas para uma cozinha profissional são em aço inoxidavel, pois não enferruja e a higienização é simples e eficiente, para que os alimentos armazenados estejam protegidos de germes e bactérias. Há quem utilize estante branca.

Nosso projeto foi idealizado para uma cozinha profissional de pequeno volume, uma cozinha profissional de média produção atende com os mesmos equipamentos, modificando área e quantidade de armazenamento. Cozinhas de grande porte utilizam camara fria.

Em relação ao fluxo, é importante que o departamento de estoque acompanhe o fluxo do alimento, fique proximo a cozinha, para obter o melhor aproveitamento.

4 – AREA DE LAVAGEM

Para que se defina no fluxo do projeto o departamento área de lavagem é importante, entender onde será o multiguichet/passa-pratos de entrada de prato sujo.

Definir no fluxo o local ideal para que os utensilios limpos, possam ser reutilizados e assim sucessivamente, torna o departamento,, a ligação entre as áreas da cozinha, fazendo parte do processo operacional.

A vigilância sanitária exige pia de assepsia para higienização das mãos ao entrar na cozinha profissional, em nosso projeto ideal, a pia de assepsia está na entrada da cozinha e no inicio da área de lavagem.

Lembre-se de posicionar as grelhas de piso sanitária em local correto para a melhor caida do piso, o profissional não necessita trabalhar pisando em cima da grelha, uma boa sugestão seria na divisão de sujidade máxima para sujidade minima.

A pia c/ cuba mais profunda higieniza panelas e caçarolas, a outra cuba de médio volume, higieniza talheres, copos e pratos e utensilios em geral.

O escorredor de pratos é um item essencial no processo de lavagem, após a lavagem, os utensilios secam sob gravidade, acima da cuba de lavagem, indo para a estante relativamente seco.

Quando a higienização é feita por maquina de lavar, o processo é mais rapido e econômico, onde a própria máquina promove o secamento dos utensilios higienizados.

5 – MANIPULAÇÃO / PREPARO

O pré-preparo é a etapa inicial pelo qual os alimentos passam antes de serem consumidos crus ou submetidos à cocção. Esta etapa consiste na higienização, sanitização, seleção, fracionamento, adição de temperos e/ou de outros ingredientes.

Balcão refrigerado para armazenamento dos alimentos manipulados;
Forno microondas profissional para preparo de pratos, descongelamento rápido;
Pia c/ cuba para higienização;
Prateleira superior para verticalização de blender, liquidificadores, extratores e utensilios.

É importante que as áreas preparo/cocção se comuniquem, em um fluxo continuo, até a finalização do prato.

Verticalizar a operação de manipulação/preparo, encurta o processo e gera produtividade.

Armazenagem abaixo, produção na base e equipamentos de preparo acima.

 

Open chat
Fale Conosco